DESTAQUES

POSTS

10/01/2016

“não é foto, é vídeo”

Assim como o food styling para fotografia, o vídeo apareceu na minha vida com pré-lançamento. Fiz a receita clássica: consultoria, treinamento e produção de foto… aí a agência liga e pede: você pode produzir para um vídeo?

Esse foi meu primeiro styling pra vídeo, apesar de já ter apresentado algumas receitas para a TV. Tudo diferente, com foco no preparo, pouco tempo e a necessidade de mostrar todo um conceito: seleção de ingredientes, frescor, primor e cuidado no preparo. O resultado é esse vídeo do Madrugadão Lanches, 2009. Fiz as cenas de estúdio do preparo do sanduíche (0:14 ao 0:22).

Adorei a experiência! Era cinema… diferente da fotografia, cada movimento encenado era refeito à exaustão até encontrar a cena perfeita.

Quando esse episódio já estava quase no esquecimento, aparece uma nova proposta, 6 anos mais tarde: food styling para uma série de receitas, vídeos de 2 minutos. Aceitei, sem pestanejar! O convite era irrecusável, feito por um casal de amigos, que montara uma produtora com o nome tentador de Salted Caramel.

Como tudo na minha vida apaixonada, o envolvimento com o “caramelo salgado” começou antes dele se formar… conheci a Bruna, que era namorada do Johann (professor da Portfólio, escola de fotografia do Nilo), que tinha sido meu colega no Liberdade Fotográfica. Foi amor à primeira vista, no meu caso; e à primeira mordida, no caso dela!

Vou explicar, pra evitar piadinhas: a Bruna trabalhava no projeto da Revista Tutano, que é do Beto Madalosso, que foi meu chefe quando mudei pra Curitiba – o mundo é mesmo uma ervilha, não?! – e me procurou pra fazer uma matéria sobre a importância da apresentação do prato. Aceitei e a convidei pra jantar em casa… eu me apaixonei pelo traço dela e ela pela minha comida.

Desse encontro nasceu este site e, desse processo, uma amizade gigante.

A Bruna é formada em design de produto e em cinema, “viaja” o tempo todo nas mil histórias que tem na cabeça… Tudo pra ela “dá um roteiro”! Conviver com ela estimula minha criatividade e me fez desenvolver um olhar divertido sobre a comida, e sobre as mil maneiras de explorar cada ingrediente.

O Johann é fotógrafo e cinegrafista; conheci como colega de turma e acabei virando aluna. Ele é super didático, sempre, o que me faz aprender muito durante as filmagens.

Acho que é por isso que a gente se dá tão bem; estamos nos desenvolvendo juntos e a gente ama quem nos faz crescer! A Salted é um amor cada vez maior. <3

Voltando à proposta da produção de vídeos, a idéia era um formato conceitual, onde a receita e o preparo acontecessem com o mínimo de interferência. Não há um apresentador, a receita se apresenta! A idéia era chamar convidados para apresentar suas receitas, mas pra colocar a idéia na tela, montamos um piloto em que contribuí também com 4 receitas.

COMENTÁRIOS